terça-feira, 16 de outubro de 2012

OUSADIA PARA "MARKETAR"



Essa semana aqui em Maceió fui surpreendido por esse outdoor de uma concessionária de Motos fazendo sua propaganda, nele tinha uma mulher seminua em pose sensual e uma frase em caixa alta:  “COMPRE QUE EU DOU PRA VOCÊ”, logo depois vinha em caixa baixa complementando a frase: “O emplacamento grátis”.

Logo quando vi a tal propaganda achei a forma de abordagem genial na questão do impacto que atrairia a curiosidade do seu público alvo em saber do que se tratava, mas também já imaginei a repercussão que traria diante toda sociedade, para muitos (leia-se muitas) foi uma forma machista e de depreciação da figura da mulher e também pelo tipo de mídia usada, impropria para o tipo de abordagem.
Acredito que a agência que produziu a campanha tenha se inspirado naquele famoso caso do empresário de Brasília que se utilizando do marketing de guerrilha (Aquela técnica moderna e agressiva de marketing, que trás impacto) para divulgar sua loja de conserto e vendas de panelas e usou o seguinte banner:



Semelhanças à parte, o outdoor aqui em Maceió divide opiniões, vai daqueles que se ofenderam profundamente, até aqueles que defendem a liberdade de expressão e o direito que cabe aos envolvidos na criação da campanha. Para nós, profissionais do Marketing, Administração e afins, nada mais foi do que uma forma de quebrar os velhos paradigmas da publicidade do nosso Estado, sempre produzindo a mesmice em propagandas sem ganhar a atenção do consumidor. Sabendo-se que os outdoor's estão cada vez mais banalizados e sem o brilho de outrora

Indo um pouco mais além, ainda pontuo que no Brasil existe muita “cordialidade” entre as concorrentes no momento de produzir suas peças publicitárias. No EUA o marketing é muito mais ousado, a crítica existe e os concorrentes se cutucam o tempo todo, diretamente. No Brasil convivemos com essa hipocrisia em achar que todos vão entender as indiretas e mensagens subliminares das marcas, caso apareça algo mais direto contra alguma marca, entra-se na justiça e os multa pelo uso indevido da imagem.

De fato, a marca aqui em Maceió está atingindo seu objetivo, chamar atenção, principalmente do seu público alvo que é o que realmente interessa...  Estão falando, nas redes sociais, ruas, jornais...tudo o que uma marca precisa: VISIBILIDADE!

Enquanto as críticas? Saibamos conviver com elas... sempre existirão.

E Viva o marketing! \o/


Um abraço!

@vanildoneto

Um comentário:

Frase do dia